quarta-feira, 3 de março de 2010

Projeto Pit Bull

Vi agora no jornal que será votado na próxima quarta-feira o projeto de lei que proprõe resposabilidade civil e penal a donos de cães em caso de ataques, punindo o dono com prisão que varia de 3 meses até 20 anos.
Também nessa lei, há uma lista de raça consideradas perigosas que devem circular em qualquer local público com focinheira. Caso não o façam, o cão é apreendido e o dono deve pagar multa de R$100,00. As raças são: Rottweiler, Fila, Pastor Alemão, Mastim, Dobermann, Pitbull, Schnauzer Gigante, Akita, Boxer, Bullmastiff, Cane Corso, Dogue Argentino, Dogue de Bordeaux, Grande Pirineus, Komondor, Kuvacz e Mastiff.
Ainda exige a castração de todos os pit bulls macho para que a raça seja extinta.


Bem, vamos por partes...

Primeiro que um cão só é de raça quando tem um docomento que comprove tal coisa. Ou eja, se tiver um pedigree. Policial nenhum pode olhar para um cão sem pedigree e dizer que é tal raça ou outra. Inclusive, a alguns anos atrás um desses políticos que tentou criar uma lei dessa foi apresentado com várias fotos de cães, para ver se ele conseguia identificar qual era o pit bull, no estilo desse site, e claro que não acertou. Essa informação pode ser verificada aqui.

As pessoas que usam cães para brigas, vão continuar usando cães, vão achar outras alternativas. No caso dessa lei, só cruzar um pit bull com um boxer e pronto.
Na minha opnião, todos esses cães deveriam ser microchipado e o dono de um cão que atacou alguem deveria ser proibido de ter outro cão, passar por algum tipo de curso sobre posse resposável ou algo assim.

Sobre a utilização de focinheira, há alguns anos atrás aqui no Parque da Cidade, em Brasília, se fez a exigência de que cães de porte grande, qualquer cão de porte grande, utilizasse focinheira no parque. O que aconteceu foi que os donos pararam de levar seus cães ao parque. Dono consciênte nenhum vai caminhar debaixo do sol escaldante com seu São Bernardo de focinheira, sabendo que os cães transpiram pela boca. Ong's daqui lutam contra essa obrigação pois agora esses cães não tem mais a oportunidade de socialização que tinham antes. Ficam em casa enquanto seus donos vão caminhar no parque.

Enfim, só algumas coisas a se considerar.

Um comentário:

Malu disse...

Exatamente, Luiza.
Eu acho que cães terem que usar focinheira uma coisa simplesmente ridícula, pois atrapalha a transpiração, a respiração...
Além de tudo, extinguir uma raça?
O que deveria ser feito é que nem todos podem ter um cão desses!
Quem quer ter, deveria microchipar o cão, e concordo que somente os de criação devam ser mantidos não-castrados.
O dono deveria, antes de poder ter um Pit Bull ou um Rotweiller, ou qualquer raça assim, assinar algum atestado, passar por um curso... Coisas que acabem com a posse irresponsável!
E é exatamente isso: como provar que um cão é um Pit Bull? Nem todos que tem cães têm pedigree, até porque nem todo cão tem pedigree.
É complicado, mas extinguir uma raça, é complicado de entender. A cabeça desses caras funciona pra alguma coisa?