quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

365 dias de maluquice


Sim, faz 1 ano que o mundo, o universo, tem que lidar com uma energia de maluquice hiper concentrada, que é o meu doido, meu garotão, meu caçula, o Uno!

A história de como ele veio parar em minha vida é um pouco parecida com a história da Laura, dona do irmão da cara preta do Uno, o Nankin. Mas também é diferente.
Quando começei a praticar agility queria um dia ter um agility 3 em 1: Um mini, um mid e um standard. Pensando em quais raças eu poderia ter para um standard, passei por várias, mas confesso que o que me cativou não foi a raça em si, mas a criação de um canil muito especial, que se encaixava na minha regra de "Nunca comprar de um criador que faça algo que eu não faria". Esse canil é o Emporium dos Cães.
Eu pensei em ter Malinois, mas achei que seria energia de mais para mim, labradores e goldens a criação seria é meio controvérsia, e criadores que eu gostava criam cães de exposição, pesados de mais. Isso me deixava com os Borders, e eu já tinha um canil que admirava, então as coisas se tornavam mais fáceis. Também treinava um border, o Pepper, e eu AMO ele! Era fofo, inteligente e uma delicia de treinar!

Pepper
Conheci a Camila em 2009, em um curso de adestramento que fiz em são paulo, mas quem me deixava a par dos acontecimentos era meu querido amigo, o Felipe, dono do meio irmãozão lindo do Uno, o Jack.
E eu queria um red merle, claro.

Eis que um dia o Felipe me conta da ninhada Milka com um filho do Billy Boy. Billy Boy! Aquele doido, campeão mundial, pai e avô de tantos outros cães bons e lindo! Aqui em brasília tenho contato com um filho do Billy Boy e adoro o cão! Então essa palavra mudou minha preferência na hora, cor já não era mais importante.

Doidinho desde nenêm
Dia 18 estava no computador quando recebo o aviso: nasceu a ninhada! E ai foram longos 60 dias de espera, mesmo porque eu não sabia qual seria o meu, e isso não importava porque eles todos eram lindos!! Quando a ninhada tinha 3 semanas eu fui visitar a Cá e conhecer o peludinhos. Todos lindos, fofos e apertáveis. Mas tinha aquele machinho, da cara mais branca, o billy boyzinho. Estávamos em volta dos filhotes conversando, e esse maluquinho tentava se comunicar com o mundo, parecia que tinha acabado de descobrir que tinha voz e achava estranho, então ficava ensaiando um latido, fazia Raawwwr! Raaawwwr! Um fofo! Eis que a Camila responde com um Rawr de volta, ele para, vira a cabeça de lado, e sai correndo, que nem um doido, na direção dela, todo feliz, como se tivesse entendido "Aaaah É assim que converso com os outros!".
Jamais vou esquecer essa cena. E ele com certeza jamais esqueceu de como se conversa com humanos, sempre conversamos com resmungos.

Então, como fiquei feliz em saber que ele seria meu, quando chegou a época da escolha! Ele era perfeito! Ele era único, Uno.
Chegou aqui tão pequeno, e até hoje é o meu bebezão, o caçula, neném de colo. E como adorava um carinho, conversava comigo todos os dias, falando em Border Colliês, olhando nos meus olhos.
E como era maluco! A primeira vez que descobriu uma garrafa pet, bolinhas, cabo de guerras, tudo sempre muito gostoso de fazer com ele. A felicidade de cada truque novo, com a extrema facilidade que ele tem de aprender...

Uno e Bjorn: o gordo e o magro
Uno é um grande bobo, as vezes. É reservado com estranhos, mas faz o maior escândalo com pessoas que ele conhece, pula, chora, resmunga, conversa. Pra mim ele está claramente dizendo "Nossa! Quanto tempo! Que bom te ver! Me dá um abraço!". Apanha do Renê, corre de pinschers na rua... Fica o tempo todo por perto quando estou no PC, sendo que muitas vezes aparece um brinquedo no meu colo, acompanhado de olhos malucos e a pose típica de border collie. E apesar de ser um border bem 220, ele é super tranquilo em casa. As pessoas as vezes não acreditam, mas eu sempre achei que ia ser muuuito mais difícil ter um BC em apartamento. As vezes sinto falta dele bebezinho, mas quando penso em tudo que temos pela frente, fico ainda mais animada.

Mas o que realmente me encanta, é o entusiasmo! Tudo que ele faz, ele se joga. É pra aprender a dar a pata?   Porque não pular na mão da minha dona com as duas patas e jogando todo o peso do corpo? Eu parei de treinar os truques Morto e Preguiça com ele porque ele se jogava com tudo de costas no chão, ficava com medo dele se machucar.

Lindão!
Foi um belo inicio de jornada, apesar da afobação de fim de graduação, o que me faz pensar um pouco que eu poderia ter treinado 100x mais com ele, olho os videos agora, o garotão que ele se tornou e me sinto muito orgulhosa de ter esse malucão na minha vida. É, realmente, um privilégio.


1 ano
Tenho que agradeçer a camila um milhão de vezes por ter me dado a honra de ter um primeiro BC tão especial quanto o Uno! E ao Felipe também, pois foi a relação dele com o Jack que me fez decidir de vez por um BC e ainda mais por um filho da Milka. Ele é tudo que eu esperava, e muito mais.

8 comentários:

Tula Verusca disse...

OHHHHHHH
O Maluco....
Terça feira estava falando com a Thaís o quanto você é maluca ...

Cara, conhecendo vc SEMPRE calma, SEMPRE equilibrada (com os cães, pq né... fazer um bate e volta a Uberlândia não é o que podemos chamar de equilíbrio em pessoa) nunca pensaria que vc teria um UNO.

E o que me impressiona tb é: o UNo que é muito ineligente ou vc que é craque no ensinamento?

Acho que as duas coisas.

Esse maluco dá muita alegria no cê!

Taz2 disse...

Heh, não sei o q era mais fofo no dia q o Uno chegou, o filhotinho ou a cara de boba da Lu!
A gente chegou lá antes, bem antes, ficamos esperando, descobrimos onde era, comemos enquanto esperavamos, e fomos lá, chegou, a caixa vermelhinha, a Luzia não esperou nada, nem papelada, nem autorização, nada, arrebentou o lacre e soltou o filhote, lindinho, veio no colo d td mundo, lambendo e com uma carinha de "obrigado por me libertarem, eu amo vocÊs profundamente!"

Hoje, eu tenho o orgulho de dizer que devo ser o q mais estraga o filhote, brinco com ele e faço zona qd chego na casa da lu, logo qd eu chego ele late e faz barulho e pula, tudo q non pode XP

Mas ele eh um lindão!

PArabéns Garotão!

Fabiano Estigarribia disse...

Parabéns ao Uno!

Daniel Nakamura disse...

Tá lindão esse Uno! Me lembro daqueles primeiros vídeos que vc fez, dele ainda filhote...

Parabéns!!!

VAL disse...

Aaahh eu sabia q esse lindo era meio parente do Vader!! Só podia!! hehehe
Parabéns UNO!
E parabéns Lu, pela excelente dona, educadora e mãe de cachorro q vc é!!! :o***

Lau Porto disse...

Lindooooooo!!
Ele sempre foi uma paixão pra mim Luíza!! E o que mais se comunicava, SEMPRE! Era lindo de ver! Que vocês tenham muitooooo sucesso juntos, e eu sei que terão! Faz muito tempo que não vejo ele, mas gosto muito desse magrelo, e sei que quando ver vou gostar ainda mais!! Parabéns pra esse guri!!! Um Beijo!!!

Ronny disse...

E ae Uno, como vai? Sinto falta das suas lambida

Parabens Lu, o Uno ta ficando muito bom

João Leite Jr disse...

Adorei o blog, conheço outro bom canil de border collieborder collie o canil Border Sammy. Seus cães são lindos, parabéns pelos cães e pelo blog, continue assim!!!